Muitas dúvidas envolvem esse famoso dente do juízo. Os sisos são os últimos molares a romperem na cavidade oral na faixa dos 17 a 25 anos, em média. Porém, algumas pessoas querem evitar possíveis problemas que esses dentes podem trazer à sua saúde bucal. Mas então, o que poderia ser feito se ele ainda não nasceu? O cirurgião-dentista Max Ferreira tira essa dúvida.

Quando extrair o siso?

Uma das principais dúvidas quanto ao terceiro molar é saber o momento certo de extraí-lo. "A extração é recomendada quando é diagnosticado o mal posicionamento do dente, principalmente quando há pouco espaço ou falta de espaço entre os dentes permanentes", afirma o cirurgião. Lembre-se que só quem pode indicar a retirada de algum dente é o seu dentista através da análise adequada.

Precisa esperar nascer para extrair?

Outra dúvida muito comum é se existe a necessidade de esperar o nascimento do siso para então poder extraí-lo. O cirurgião Max comenta que não há motivo para aguardar esse tempo todo. "Existem técnicas cirúrgicas onde são realizados retalhos para alcançar o dente ainda dentro do tecido ósseo". Então, se você quer resolver logo esse problema, agende uma consulta ao seu dentista e procure tirar todas as dúvidas antes de decidir pela extração.

Sisos inclusos

Os dentes inclusos são aqueles que não nasceram por falta de espaço para a erupção dentária. Os sisos costumam ser os mais afetados por esse fenômeno, mas fique tranquilo porque há algumas formas de descobrir se isso aconteceu com o seu terceiro molar. "A utilização de exames de imagem como radiografias e tomografias permite a detecção dos sisos inclusos", explica Max.

Consequências de não extrair os sisos inclusos

Os dentes inclusos devem ser extraídos caso o mal posicionamento seja detectado precocemente ou caso haja falta de espaço na arca dentária por herença genética, segundo Max. As consequências de não extraí-los podem ser sérias. "Os sisos inclusos podem vir a causar prejuízos à integridade dos dentes vizinhos, formar cistos ou tumores, desalinhar os outros dentes, além de causar dores articulares e infecções severas", alerta o cirurgião. Quem está na fase dos sisos, não perca tempo e procure seu dentista para descobrir se há algum problema na sua saúde bucal.