Você vive apressado e correndo o tempo todo. Casa, família, trabalho, estudos, trânsito... Ufa! São tantas as nossas tarefas no dia a dia que é impossível não sentir os efeitos dessas pressões. Isso traz um estresse físico e emocional enorme, não é? As consequências dessa bomba de adrenalina no corpo podem ser bem sérias. "Esse desequilíbrio do organismo pode resultar em enxaquecas, alterações do sono e apetite, do sistema imunológico, intestinal e até mesmo complicações cardiovasculares". explica a nutricionista Caroline Codonho.

Portanto, muita calma nessa hora! A sua saúde vem em primeiro lugar, por isso, há formas de combater esse problema comendo alimentos mais saudáveis. "A alimentação pode contribuir muito para a faxina corporal das substâncias produzidas em situações de estresse. Existem vários alimentos que podem controlar a liberação de hormônios relacionados ao problema", reforça a profissional.

Caroline também comentou que é importante consumir alimentos das formas mais naturais possíveis, reduzindo ou evitando os industrializados. "Chá verde, vegetais de cores intensas como as frutas avermelhadas, alaranjadas e arroxeadas, e as folhas verde escuras contêm antioxidantes e anti-inflamatórios naturais". Conheça alguns alimentos que podem jogar seu ânimo lá para cima e mandar seu estresse para bem longe.

Maracujá

Quem nunca ouviu falar que o maracujá acalma? É bem verdade. A fruta tem efeitos sedativos que aliviam a tensão e a ansiedade, além de ajudar a pegar no sono mais rápido. Um chá ou suco da fruta pode te deixar bem calminho. O recomendado é tomá-lo antes de dormir, já que durante o dia pode fazer você render menos nas suas atividades.

Grão-de-bico

O grão-de-bico é fonte de vitamina B6 e ácido fólico, substâncias essenciais para a formação da serotonina, considerada o hormônio da felicidade e responsável pela sensação de bem-estar e relaxamento. O grão também pode aumentar a energia de uma pessoa por ser rico em ferro, além de afastar a depressão.

Amêndoas

Embora sejam um pouco calóricas, sem excessos, as amêndoas podem ser incluídas em pequenas quantidades no seu dia. É uma fonte riquíssima de vitaminas, dentre elas, o zinco que ajuda a combater os efeitos negativos do estresse, e a vitamina E, que age como um antioxidante.

Abacate

"O abacate é um alimento interessante porque tem a capacidade de controlar os níveis de cortisol, um hormônio ligado ao estresse.", explica a nutricionista. Eles também são ricos em minerais que fazem muito bem para saúde, além de serem versáteis e funcionarem como pratos doces e salgados. Outra boa notícia é que a fruta ajuda a reduzir a pressão arterial e doenças cardíacas. Que tal uma bela vitamina de abacate hoje?

Chocolate

Não precisa de nenhum grande motivo pra fazer a gente comer chocolate, né? Mas ainda assim saiba que ele contribui no controle do estresse, ajudando a entender porque muitas mulheres ficam loucas por um pedacinho quando estão na TPM. O chocolate é mais um que ajuda na liberação da serotonina, trazendo sensação de bem-estar. Quanto mais cacau na composição, melhor, e o ideal é consumir um tablete pequeno por semana.

Espinafre

O marinheiro do desenho animado não o adorava à toa. As folhinhas verde-escuro realmente têm o poder de fortalecer o organismo de diversas maneiras. O espinafre é um alimento para combater a ansiedade e o estresse. Rico em magnésio, ele é parte importante de uma dieta saudável e traz energia para que os músculos trabalhem melhor. Além disso, você pode inovar nas receitas com o vegetal: de um suflê ao suco detox, espinafre tem tudo pra conquistar um espaço no seu cardápio.

Azeite

Das refeições à mesa mesa aos cuidados com a pele, o azeite pode ser bom para a nossa saúde de diversas formas. Considerado uma gordura de boa qualidade, é um óleo que faz bem ao coração. Ele ajuda na formação de células saudáveis, protege o sistema nervoso central, reduz o risco de inflamações e equilibra o colesterol. O "ouro líquido" também previne a perda óssea e melhora a memória visual, além de dar um toque especial nas saladas.

Mel

Existem diferentes aromas e cores, mas nenhum deles falha quando o assunto é trazer benefícios para nosso corpo. Esse doce alimento fornece energia instantânea pelo alto teor de glicose, ajudando a manter os minerais. Seus açúcares são facilmente absorvidos pelo organismo e possuem minerais como o potássio, com ação antidepressiva, e o cálcio, que ajuda a acalmar os ânimos. É uma boa opção quando bate aquela vontade de um docinho!