Na fase de transição da infância para a adolescência os jovens acabam passando por muitas mudanças e uma delas é o nascimento dos sisos. Muitos chamam estes parceiros bucais de dentes do juízo, mas apesar do nome, há situações em que esses dentes não têm juízo nenhum e causam muita dor de cabeça quando resolvem aparecer. Daí só há uma saída: extraí-los.

Os cuidados no pós-operatório são muito importantes, principalmente no que diz respeito à alimentação. Por outro lado, é justo nessa fase da vida que as pessoas querem comer de tudo sem pensar no amanhã. E agora? Pois é, parece complicado à beça. Mas foi pensando nisso que o Sorrisologia reuniu dicas de uma boa alimentação para que você tenha uma recuperação rápida e tranquila após a extração.

Sopas

Pode ser canja, de ervilha ou de legumes. É você quem manda! O importante é variar e experimentar à vontade. Sopa é o prato mais recomendado pelos dentistas nos primeiros dias após a extração do siso por ser fácil de ingerir. Segundo o dentista Cláudio de Sá Rego Fortes, só é preciso tomar cuidado com a temperatura, "Qualquer coisa muito quente pode causar dor, sangramento e complicar na cicatrização". Por isso, espere esfriar um pouco e quando estiver bem morninha, estará na temperatura certa para degustar sem medo.

Legumes

Após alguns dias você estará pronto para devorar alimentos mais sólidos. E nada melhor do que voltar a rotina com legumes. Além de nutritivos, esses alimentos são ótimos para serem ingeridos bem amassadinhos, como se fosse um purê. Experimente fazer com abóbora, batata ou mandioquinha. Fica uma delícia!

Sorvete

Em dias ensolarados ou não, um sorvetinho sempre cai bem quando queremos refrescar nossa boca. Porém, muito mais do que uma sobremesa gostosa, o sorvete alivia a dor e o inchaço do pós-operatório por ser bem geladinho, por isso, é sempre recomendado por profissionais. Que maravilha, né?

Sucos e vitaminas

Tão coloridos e nutritivos, os sucos e vitaminas são um sucesso para o seu bem-estar e recuperação após a extração. Melhor ainda, você pode variar, misturar os sabores e bebê-los bem geladinhos. Além de refrescar, vai aliviar a dor e o inchaço da operação sem causar dor.

"Alguns pacientes têm dificuldades para abrir a boca pelo tempo que ficou aberta. Em alguns casos, eles apresentam o chamado trismo, que é a restrição na abertura da cavidade bucal ou da mobilidade mandibular", explica o profissional. Mas fique tranquilo, nesses casos você pode fazer uso de um canudinho para ingerir líquidos.

Outros cuidados importantes

- Nas primeiras 24 horas, descanse com a cabeça um pouco inclinada.

- Não faça bochecho nas primeiras 12 horas.

- Faça compressa de gelo.

- Evite exposições ao sol.

- Não faça esforço ou qualquer tipo de atividade física.

- Após o segundo dia, faça o bochecho com enxaguante.

Cláudio diz que cada paciente tem uma resposta diferente à cirurgia. "Não existe um período certo para retornar à normalidade. A resposta inflamatória do corpo vai até 72 horas, o que podemos afirmar é que não haverá cicatrização antes deste período".

A higiene bucal não pode parar

Não há desculpas. O pós-operatório não impede que você continue os cuidados bucais rotineiros. "Pratique uma higiene normal com escovação, uso do fio dental, aliado a utilização de um antisséptico bucal, mas sem fazer bochecho com força", alerta o expert.

Use um creme dental que faça uma limpeza completa na sua boca, alcançando áreas de difícil acesso para a escova, já que você deve tomar cuidado para não escovar a área operada. Esses cremes possuem partículas Microclean, que limpam profundamente toda a boca e eliminam as bactérias, deixando uma sensação de limpeza prolongada. E não esqueça que após uma semana você deve voltar ao consultório para retirar os pontos.