Você notou que está na hora de adquirir uma nova escova de dente, afinal, a sua já cumpriu seu dever e está bem gasta. Não rola mais, né? Mas ao chegar na prateleira do supermercado você se depara com tantas opções que, no fim das contas, nem se importa muito com essa decisão. Quer pegar logo a primeira que vê pra aproveitar a fila do caixa que ainda está pequena. Saiba que você pode estar cometendo um erro gravíssimo.

Os itens de higiene, em especial de saúde bucal, devem ser escolhidos com muito carinho e atenção, pois existem ferramentas exclusivas para cada tipo de necessidade e fase da vida. O Sorrisologia reuniu algumas dicas para te ajudar nesse momento.

1) Repare nas cerdas

Você pode até pensar: “gente, cerdas são todas iguais”. Mas é aí que você se engana. Esses tufinhos são responsáveis por varrer toda a sujeira dos seus dentes. Muitos dentistas recomendam aquelas mais macias que ajudam na remoção do acúmulo de placa bacteriana e restos de alimentos dos dentes e gengiva sem ferir o tecido gengival ou desgastar o esmalte dentário. No caso do sorriso ser composto por uma prótese dentária, o acessório precisa ser higienizado especialmente com uma escova de cerdas mais duras.

2) Fique de olho no formato da escova

Muita gente não percebe, mas o formato da escova conta muito na hora da higiene, principalmente quando se trata da cabeça da ferramenta. Se você é o tipo de paciente que manteve os sisos ou tem a abertura da boca limitada precisa comprar o utensílio de cabeça pequena e arredondada. Assim é possível alcançar as áreas mais escondidas da boca durante a higiene e acabar com todo o excesso de placa nesses locais. Agora, se o seu sorriso não tiver nenhuma dessas exceções, pode optar por uma escova com cabeça maior.

3) Existe uma escova ideal para o seu sorriso

Também tem aquele acessório que foi feito especialmente para o seu cartão de visitas. Se você usa aparelho fixo, por exemplo, existe a escova de dente ortodôntica. Ela tem cerdas em formato "V" que varrem toda sujeira além dos bráquetes e fios de aço. Para outros casos, tem a escova elétrica. Ela pode ser adquirida por qualquer tipo de paciente para facilitar a limpeza, principalmente, para quem precisa de uma ajudinha extra na hora da higiene, como idosos, crianças e pessoas com necessidades especiais, dando mais autonomia e garantia de uma limpeza caprichada durante a escovação.

4) Peça ajuda ao seu dentista

Você ainda está na dúvida sobre qual escova levar? O jeito mais certeiro de tomar essa decisão sem errar é perguntando àquela pessoa que mais entende do assunto. Bom, dessa vez não é a sua mãe, mas seu dentista preferido. Ele mais do que ninguém e vai saber indicar a melhor escova de dente. Aproveite o contato e tire algumas dúvidas sobre higiene bucal, desde a maneira certa de passar o fio dental até a forma de usar o enxaguante. Atualizar seus conhecimentos nunca e demais e saber que está utilizando a escova perfeita para os seus dentes faz toda diferença na hora do ritual higiênico.